Irmãs investem R$ 300 em 'Bolos no Pote' e se tornam empresárias em Minas Gerais

5/25/2015 0 Comments




As irmãs Mariana Borges (35 anos) e Adriana Borges (32 anos) são sócias em Uberlândia, Minas Gerais. Ambas tem profissões diferentes, uma é dentista e a outra pedagoga, mas com R$ 300 reais, resolveram abrir um novo negócio: uma confeitaria, cujo foco são os bolos no pote.

Aqui no blog temos 5 receitas de bolo no pote para você começar a vender.

O valor da venda do produto, um potinho de 250 ml de bolo, varia entre R$ 8 a R$ 10. E elas já vemdem 200 potes por semana :D

Adriana Borges contou que a vontade de ter algo sempre as atraiu e foi dessa vontade que surgiu o próprio negócio. “Temos várias pessoas na família que trabalham com gastronomia. Nossa mãe faz bolos divinos e nosso pai é um super cozinheiro. Minha avó, a Dona Elci, na década de 70 foi uma grande confeiteira e fazia sucesso na cidade com seus bolos, doces, bombons e salgados. Acreditamos que é de família esse gosto pela cozinha e por desenvolver algo novo para o mercado”, disse.

Ela ressaltou que em Uberlândia, o “Bolo de Pote” delas é uma novidade e isso vem cativando e fidelizando clientes. “Decidimos fazê-lo de maneira diferente, ou seja, com menos massa, mais recheio e mais cobertura. O resultado é um produto cremoso, com sabor suave e menos doce”, afirmou.

Além dos potes tradicionais, as mineiras ainda comercializam os bolos em taças para eventos. O litro sai a R$ 35 a R$ 43, variando conforme o sabor. Atualmente elas fazem taças até quatro litros.
As irmãs recebem encomendas e agendamento de entregas de segunda a sábado das 7h às 14h. A empresa delas trabalha com cartão de débito. Para as taças, as encomendas são feitas, no mínimo, com dois dias de antecedência.



A loja das meninas de chama La Divine Gatêau. Você pode acompanhá-las aqui no instagram delas.

Veja também:



Via G1
Irmãs investem R$ 300 em 'Bolos no Pote' e se tornam empresárias em Minas Gerais